5 MÚSICAS QUE VOCÊ NÃO SABIA QUE ERAM SAMPLES PT. II

Você já ouviu falar em sample? É o termo usado na industria da música quando um artista compra o direito de um trecho da música de outro artista para compor o seu trabalho. Temos um post aqui no blog que explica o sample, e com vários exemplos surpreendentes! Graças ao sucesso daquele post, fizemos a parte dois!

FOURTH OF JULY – FALL OUT BOY
Quando eu escuto essa música, a parte que eu mais gosto é a introdução. Todos os instrumentos se complementando até criar a batida marcada da música. Pena que isso não é original dos meninos Illinois. O riff, na verdade, é de uma música chamada Lost It To Trying, da banda Son Lux. Confesso que fiquei triste ao descobrir isso…
(FOURTH OF JULY – FALL OUT BOY, MINUTO 0:00)
(LOST IT TO TRYING – SON LUX, MINUTO 0:13)

YOU GIVE LOVE A BAD NAME – BON JOVI
E o famoso “Shot through the heart, and you’re to blame! Darlin’, you give love a bad name!”, que adoramos gritar, não é original. Sim, Bom Jovi pegou isso da música If You Were A Woman (And I Was A Man) da Bonnie Tyler. Não se trata da mesma letra, mas é exatamente a mesma melodia.
(YOU GIVE LOVE A BAD NAME – BON JOVI, MINUTO 0:04)
(IF YOU WERE A WOMAN – BONNIE TYLER, MINUTO 1:04)

WARNING – GREEN DAY
E nós achando que o Green Day seria uma das bandas limpas de usar samples… Hoje vim provar o contrário com a melodia icônica de Warning, que na verdade pertence a banda The Kinks, com a música Picture Book. Vamos dar créditos aos meninos do Green Day por darem outro sentido e usado esse sample totalmente ao seu favor, mas não podemos ignorar o fato de não ser original.
(WARNING – GREEN DAY, MINUTO 0:04)
(PICTURE BOOK – THE KINKS, MINUTO 0:00)

ALIVE – PEARL JAM
Essa é a parte que todo mundo fica de boca aberta. Sabe aquele solinho de guitarra que a gente espera a música inteira para ouvir? Exato, da música Alive do Pearl Jam na verdade é um sample do solo de She, música da banda Kiss. Existem controvérsias sobre a semelhança das músicas, mas para garantir, o Pearl Jam comprou o sample. E aí, o que vocês acham?
(ALIVE – PEARL JAM, MINUTO 3:39)
(SHE – KISS, MINUTO 2:49)

COME AS YOU ARE – NIRVANA
Você pode não conhecer, não gostar, não fazer ideia do que a banda toca, mas com certeza conhece o riff de Come As You Are. Pois é, esse riff tão icônico ficou famoso seis anos antes do Nirvana lançar a música, quando a banda Killing Joke lançou seu single Eighties. Apesar de Kurt e seus amiguinhos darem outro estilo para o riff e um sentindo totalmente diferente para sua música, não podemos negar a semelhança entre as duas.
(COME AS YOU ARE – NIRVANA, MINUTO 0:00)
(EIGHTIES – KILLING JOKE, MINUTO 0:00)

E vocês, conhecem mais rocks icônicos que não são originais? Deixe aqui nos comentários! Até semana que vem!

Beijos, Luiza!

You may also like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *