5 MÚSICAS QUE VOCÊ NÃO SABIA QUE ERAM SAMPLES PT. II

Você já ouviu falar em sample? É o termo usado na industria da música quando um artista compra o direito de um trecho da música de outro artista para compor o seu trabalho. Temos um post aqui no blog que explica o sample, e com vários exemplos surpreendentes! Graças ao sucesso daquele post, fizemos a parte dois!

FOURTH OF JULY – FALL OUT BOY
Quando eu escuto essa música, a parte que eu mais gosto é a introdução. Todos os instrumentos se complementando até criar a batida marcada da música. Pena que isso não é original dos meninos Illinois. O riff, na verdade, é de uma música chamada Lost It To Trying, da banda Son Lux. Confesso que fiquei triste ao descobrir isso…
(FOURTH OF JULY – FALL OUT BOY, MINUTO 0:00)
(LOST IT TO TRYING – SON LUX, MINUTO 0:13)

YOU GIVE LOVE A BAD NAME – BON JOVI
E o famoso “Shot through the heart, and you’re to blame! Darlin’, you give love a bad name!”, que adoramos gritar, não é original. Sim, Bom Jovi pegou isso da música If You Were A Woman (And I Was A Man) da Bonnie Tyler. Não se trata da mesma letra, mas é exatamente a mesma melodia.
(YOU GIVE LOVE A BAD NAME – BON JOVI, MINUTO 0:04)
(IF YOU WERE A WOMAN – BONNIE TYLER, MINUTO 1:04)

WARNING – GREEN DAY
E nós achando que o Green Day seria uma das bandas limpas de usar samples… Hoje vim provar o contrário com a melodia icônica de Warning, que na verdade pertence a banda The Kinks, com a música Picture Book. Vamos dar créditos aos meninos do Green Day por darem outro sentido e usado esse sample totalmente ao seu favor, mas não podemos ignorar o fato de não ser original.
(WARNING – GREEN DAY, MINUTO 0:04)
(PICTURE BOOK – THE KINKS, MINUTO 0:00)

ALIVE – PEARL JAM
Essa é a parte que todo mundo fica de boca aberta. Sabe aquele solinho de guitarra que a gente espera a música inteira para ouvir? Exato, da música Alive do Pearl Jam na verdade é um sample do solo de She, música da banda Kiss. Existem controvérsias sobre a semelhança das músicas, mas para garantir, o Pearl Jam comprou o sample. E aí, o que vocês acham?
(ALIVE – PEARL JAM, MINUTO 3:39)
(SHE – KISS, MINUTO 2:49)

COME AS YOU ARE – NIRVANA
Você pode não conhecer, não gostar, não fazer ideia do que a banda toca, mas com certeza conhece o riff de Come As You Are. Pois é, esse riff tão icônico ficou famoso seis anos antes do Nirvana lançar a música, quando a banda Killing Joke lançou seu single Eighties. Apesar de Kurt e seus amiguinhos darem outro estilo para o riff e um sentindo totalmente diferente para sua música, não podemos negar a semelhança entre as duas.
(COME AS YOU ARE – NIRVANA, MINUTO 0:00)
(EIGHTIES – KILLING JOKE, MINUTO 0:00)

E vocês, conhecem mais rocks icônicos que não são originais? Deixe aqui nos comentários! Até semana que vem!

Beijos, Luiza!

Continue Reading

OS MELHORES DOCUMENTÁRIOS DE MÚSICA NO NETFLIX

Ultimamente tenho assistido vários documentários no Netflix, e a maioria sobre músicos e suas carreiras. Alguns achei um pouco decepcionante, como por exemplo o da Beyoncé que esperava mais da história. Mas também assisti alguns que são geniais, e por isso vim recomendar aqui pra vocês!

Supersonic
O documentário que saiu em Outubro de 2016 conta a trajetória de uma das maiores bandas dos anos 90. Vemos desde o inicio do Oasis, como eles conquistaram a fama, ate a  briga final dos irmaos Gallenger. E na real, a briga nem é todo esse drama que vemos na mídia, e sim um relacionamento comum entre irmãos. Eles mostram cenas de backstage, entrevistas com a banda e vários shows ao redor do mundo. Com certeza um dos meus documentários favoritos.

It Might Get Loud
It Might Get Loud reúne 3 grandes músicos, sendo um dos deles um dos maiores guitarristas de todos os tempos para uma conversa no mínimo educativa. Jimmy Page, The Edge e Jack White, cada guitarrista representando uma geração em um documentário onde eles falam sobre suas experiências e influências na guitarra, o instrumento que simboliza o rock!

Kurt & Courtney
Ao contrário dos outros documentários dessa lista, esse é o que menos fala sobre música. Kurt & Courtney conta um pouco sobre a vida insana de Kurt Cobain e o seu relacionamento com Courtney Love. Já aviso que não é um filme muito feliz, mas vale muito a pena principalmente pra quem curte Nirvana ou quer entender um pouco mais sobre o amor para um dos integrantes icônicos da banda.

Show ‘Em What You’re Made Of
Esse foi com certeza o filme que mais me surpreendeu da lista. Lançado em 2015, Show ‘Em What You’re Made Of conta toda a história dos Backstreet Boys. O início da banda e da carreira de cada um dos integrantes que até hoje continuam juntos. A boyband que influenciou uma geração inteira como nunca visto antes. Sério, é muito amor, assistam!

 

Continue Reading

#OOTW: LOOK I’M SO FANCY

Aquele mesmo shorts da semana passada por que não canso dele! Vesta super bem e é perfeito para usar de final de semana. Outro vício do meu guarda roupas é essa cropped escrita “I’m so fancy”, juro que quando vi na loja foi amor a primeira vista. Ela é maravilhosa, básica, confortável e muito vibes! Essa bota eu ganhei e não tenho ideia de qual é a marca, só sei que ela veio de Dublin (ryca!). Mas tem umas super parecidas nessa marca aqui: Korkys. Esse óculos comprei uma lojinha x de acessórios e coisinhas baratas, estilo 25 de março. Foi um super achado! Curtiram? (Fotos: Marcos Largatera)

Top: Forever 21 | Shorts: Riachuelo | Sapato: Acervo

9

7

4

5

8

6

3

2

1

Continue Reading